Sincor-Ba : Av. Estados Unidos, 397 - Comercio, Salvador - BA, 40010-020 - (71) 3241-1762 

  

A pandemia do coronavírus atingiu os seguros de riscos financeiros, garantias e créditos, que figuraram entre as carteiras que mais cresceram nos últimos anos. Dados oficiais da Susep indicam que, somados, esses segmentos geraram um volume de receita da ordem de R$ 2,06 bilhões de janeiro a maio. Esse valor é 1% menor que o apurado no mesmo período, em 2019, isso em termos reais, ou seja, sem descontar a inflação acumulada.

Contudo, há indícios de que esses ramos começam a se recuperar. A Susep apurou que maio foi, até agora, o melhor mês para seguradoras que operam nessas carteiras. A receita registrada chegou a R$ 536,2 milhões, com incremento de 19% em comparação a abril e de 34,6% se comparado a maio do ano passado.

Já a taxa média de sinistralidade aumentou de 34% para 39% entre os dois períodos comparados.

A soma referente aos sinistros ocorridos de janeiro a maio – cerca de R$ 682,2 milhões – foi 29,2% maior que a computada nos cinco primeiros meses de 2019.

As despesas comerciais, que englobam as comissões de corretagem e gastos com campanhas comerciais, atingiram a marca de R$ 332 milhões até maio, com crescimento de 19% em relação ao montante registrado em igual período, no ano passado.

Fonte: CQCS